quarta-feira, 2 de junho de 2010

Comunicado: Coletivo Esquina e saída de integrantes

Por meio deste comunicado, anunciamos que as bandas Cassino Supernova, Enema Noise, bem como os núcleos de comunicação e audiovisual e participantes da distribuição e sustentabilidade não participam mais do Coletivo Esquina.

Acreditamos no modelo de trabalho do Fora do Eixo e também sabemos da importância deste Circuito no atual contexto da música independente no Brasil. Porém, divergimos do posicionamento atual do Esquina frente a alguns pontos.
Estamos inseridos em uma rede nacional, em um contexto histórico e num cenário onde acreditamos que o essencial é o colaborativismo, a transparência e o diálogo horizontal. Quando isso é afetado, o nosso trabalho perde o sentido ou não recebe o estímulo necessário pra ser levado adiante.
Todos que agora saem continuarão trabalhando com produção cultural independente, mas com foco em ações que acreditamos serem importantes e não têm sido atuais prioridades no Esquina. Reativamos a Bloco - uma das produtoras fundadoras do Coletivo, que ficou em hiato por conta do nosso envolvimento com o mesmo -; e outras ações também serão desenvolvidas a partir de agora.
Manteremos um diálogo saudável frente aos futuros projetos que todos desenvolvermos. Estamos dispostos a manter parcerias e trocar serviços com o Coletivo Esquina e com o Circuito Fora do Eixo. Pretendemos assim colaborar com o crescimento do cenário independente, colhendo frutos juntos.

Este comunicado será divulgado na lista geral do Fora do Eixo, na lista da regional Goiás, do Centro-Oeste e também no blog do Coletivo Esquina. O objetivo é garantir nosso direito prévio de esclarecimento da situação.
Atenciosamente,
Adriany Nascimento
Artur Brandt
Ernesto Gondim
Gabriel Rodrigues
Gustavo Halfeld
Igor Kawka
Jacque Bittencourt
João Victor Canizares
Marcelo Melo
Marcelo Seabra
Marcus Vinicius Leite
Nana Bittencourt
Patrick Revorêdo
Pedro Henrique Souto
Rafael Lamim
Raphael Valadares
Victor Ribeiro

Para esclarecimentos, e-mails e telefones:

Rafael Lamim - 8602-1464rafael.lamim@gmail.com
Nana Bittencourt -  91113644bittencourt.nana@gmail.com
Marcelo Melo - 9332-8805grandemarcelo@gmail.com

sábado, 31 de outubro de 2009

Noite dos Mortos-Vivos

Flyer "Noite dos Mortos-Vivos" - clique para aumentar

Neste sábado (31) vai rolar o Halloween da Bloco, a Noite dos Mortos-Vivos! A festa vai ser divertidíssima, com direito a maquiagem zumbi lá dentro, jello shots, dose dupla de caipirinha até 00h e atrações interestaduais - e porque não - INTERNACIONAIS! O bailinho rola na Landscape (endereço e mapa no site, só clicar) a partir das 22h, e conta com a presença das bandas brasilienses Cabaret Zumbi e Valdez, com a goiana Cine Capri, a gaúcha Damn Laser Vampires e com a inglesa Copter. Pra quem só quer dançar, entre as bandas no andar de baixo, e durante toda a noite no andar de cima, a pista vai ferver com os djs Luc, Tuzão, Vitor Cadillac (GO), Fábio Pop e Danny Boy.
Nos vemos lá, 24hourZOMBIEpartypeople!

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Circuito HC reúne 13 bandas de 6 estados nesse sábado


A edição Brasília do Festival Circuito HC acontece neste sábado (24), no Estação 10 (Estacionamento 10 - Parque da Cidade) e vai reunir 12 bandas de 6 estados diferentes. O projeto é uma parceria entre a Reverso Produções, In Off Produções e ABC Pró HC (SP).
Segue abaixo a programação do evento:

Palco A
17h35 - Fourteen - http://www.myspace.com/rockfourteen
18h25 - Massay - http://www.myspace.com/massayrock
19h15 - Ponto Zero (SP) - http://www.myspace.com/pontozero
20h05 - Impune (GO) - http://www.myspace.com/impuneoficial
21h00 - Imaginária - http://www.myspace.com/imaginariaoficial
22h30 - Underline (RS) - http://www.myspace.com/underlinebanda
23h55 - Cueio Limão - http://www.myspace.com/cueiolimao

Palco B
18h00 - Snorks (MT) - http://www.myspace.com/snorksmt
18h50 - Hellena - http://www.myspace.com/hellenamosh
19h40 - ADI - http://www.myspace.com/adirocker
20h35 - Ilustra - http://www.myspace.com/ilustra
21h30 - Envydust (SP) - http://www.myspace.com/envydust
23h30 - Ravenna - http://www.myspace.com/ravennadf

Clique AQUI para saber mais.

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Coletivo Esquina e Reverso Produções no RRRuído


Hoje, às 15h15, o Coletivo Esquina participará do Programa RRRuído, ao vivo. Vamos participar de um debate sobre a cena musical de Brasília, representados por Jacque Bittencourt e pelo Giuliano Manfredini, ao lado de Ian Ferraz (Reverso Produções, bandas Ilustra e Ravenna).

O programa é no canal 8 da Net, mas é possível assistir ao vivo pelo site da TV Comunitária.

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Abertas as inscrições para o Duelo de Bandas 2009


Foram abertas as inscrições para o Duelo de Bandas 2009, evento gratuito que acontece no próximo dia 31 no Anfiteatro do Estádio Bezerrão (Gama-DF). As bandas interessadas em participar da seleção devem enviar material (release + CD demo) até o dia 05 de outubro, na Berlim Discos (CONIC), Porão 666 (Taguatinga) ou Abriu Pro Rock (Gama Shopping).

Mais informações: duelodebandas@gmail.com | (61) 9987-2802

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Circuito alternativo encontra forças na produção independente

Por Larissa Gomes
http://rrruido.blogspot.com

Mesmo sem retorno financeiro, jovens fazem shows porque gostam de incentivar o movimento cultural de Brasília

Ter coragem é o ingrediente mínimo para enfrentar a empreitada de abrir uma produtora de shows independente. Quem escolhe esse caminho diz que os eventos não são financeiramente vantajosos, mas a sensação de fazê-los dar certo é um vício. Hoje, as produtoras independentes movimentam com intensidade a cena musical de Brasília. Os jovens audaciosos são os maiores responsáveis por esse empreendimento, que se tornou a maior fonte de entretenimento do circuito alternativo da cidade.

“Fazemos shows por amor mesmo, por vontade de divulgar as bandas”, diz a produtora Jacqueline Bittencourt, 23 anos. Há cinco anos ela está envolvida com produções que movimentam a cultura da cidade. Para a produtora, assim como as bandas que participam dos shows e quase sempre não recebem cachê, vale a pena estar envolvida com a produção, mesmo que o lucro fique no zero a zero. “Para mim é arte”, afirma Jaqueline, que hoje participa da Bloco Produções.

Para o integrante da Torneira Produções, Raphael Veleda, 24 anos, o importante é ser otimista. “Achamos que a produtora pode crescer e se manter fazendo rock. Acreditamos no sucesso a cada evento que produzimos”, diz. A Torneira fez eventos de destaque no cenário independente da cidade, inclusive com bandas internacionais, como a Underschool Element, da Suíça. Porém nunca obteve grande lucro. Raphael revela que sempre estão no limiar entre o lucro e o prejuízo. “Para você ter ideia, já comemoramos quando um evento cobre os custos de produção”, conta. Apesar dos prejuízos, ele afirma que a Torneira acredita mais no rock do que no dinheiro, então continuarão fazendo shows enquanto for viável.

Ian Ferraz tem 23 anos e faz parte da Reverso Produções, que existe desde 2006. Ele toca em duas bandas e começou a sentir vontade de abrir uma produtora por considerar difícil conseguir espaço para tocar em Brasília. “Eu era frequentador assíduo de shows independentes e me deu vontade de produzir também. Comecei a tomar gosto e hoje organizo shows sempre que possível”, diz o produtor. Ele afirma que assim com a produtora, as bandas foram crescendo juntas. Uma coisa puxou a outra.

A falta de experiência é o maior obstáculo para começar. No início, Ian diz que caíram em algumas ciladas, como pagar mais pelos quartos do hotel das bandas. Raphael também diz que passou por algumas armadilhas. “No dia do evento, alguém denunciou a casa de shows por falta de alvará e o lugar foi lacrado. Falamos com Brasília inteira pedindo ajuda. No final descobrimos que uma simples vistoria do Corpo de Bombeiros resolveria o problema”, conta Raphael.

Para que a Bloco Produções dê certo, Jacqueline diz que estão aumentando o campo de visão. “Começando a pensar grande, o projeto vai ficando do tamanho da nossa idéia”, reflete. Os produtores da Bloco têm tentado trabalhar mensalmente, com divulgação mais forte, e trazendo atrações maiores. O objetivo é aumentar a importância da cena cultural brasiliense. Atualmente a produtora se uniu ao “Coletivo Esquina”, que é uma parceria entre produtores do país para criar uma integração do sistema independente e fazer intercâmbio de bandas e produtores. “Funciona colaborativamente. Por exemplo, se houver um show em Goiânia, depois o levamos para Brasília. E quem estiver envolvido no Coletivo, independente do estado, pode trabalhar no show. O objetivo é haver troca de saberes e experiências”, explica.

Ian dá a dica para quem curte música e quer participar da cena independente. “Produzir shows de pequeno porte não é tão difícil, é preciso apenas coragem e dedicação. É algo que pende mais pelo trabalho do que pela questão financeira”, incentiva o produtor.

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Dinamites lança novo Myspace


"Os Dinamites estão de volta, depois de um tempo em casa reformulando as músicas e as piadas."

Foto por Marco Nagoa - Espaço Goma (Uberlândia)


Os Dinamites de Brasília estão de volta, e com músicas inéditas (antes encontradas só no EP) no Myspace da banda.
Também no Myspace são encontrados vários vídeos, resenhas dos shows pelo Brasil e o EP na íntegra para download.

Acesse! www.myspace.com/osdinamites

ADI abre inscrições para tocar no lançamento do CD

A banda brasiliense ADI acabou de lançar uma promoção na internet para bandas interessadas em tocar no show de lançamento do CD "E Por Aqui Tudo Vai Bem", que acontecerá no dia 1º de novembro, no Arena Futebol Clube.


Para participar basta enviar uma música ou algum link onde seja possível ouvir o seu trabalho para adirocker@hotmail.com até o dia 30 de setembro. A banda selecionada será divulgada no fotolog da banda nessa mesma data.

Myspace | Fotolog

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Guidable - A verdadeira História do Ratos de Porão

por Rafael Lamin

Finalmente concluído, o documentário Guidable - A verdade História do Ratos de Porão retrata em vídeo os 30 anos de carreira da banda paulista de hardcore e já está em exibição no Brasil.

Em 121 minutos, entrevistas com integrantes, ex-integrantes, amigos e personagens importantes da cena hardcore brasileira montam a biografia do grupo, disco por disco. O material se completa com vídeos e fotos inéditas do Ratos desde seu início.

O documentário mostra como a banda conseguiu superar uma série de dificuldades comuns a bandas de rock (troca de integrantes, drogas, problemas de saúde) e cativou público entre seguidores do punk, do hardcore e do metal. Também explica que a alcunha de "traidores" vem de muito antes do vocalista João Gordo ter "traído o movimento" ao tornar-se apresentador da MTV Brasil.

Divertido do começo ao fim, Guidable (termo criado pelos próprios integrantes da banda para definir confusão mental) é recomendado até para quem não é fã da banda. Só peca por ser longo (duas horas), vide a extensa carreira e discografia da banda.

E falando em carreira, cuidado aos sensíveis. O filme não tem censura alguma nas imagens e vídeos envolvendo o antigo consumo excessivo de drogas pela banda. Em determinada cena de uma turnê na Europa durante anos 90, , são mostradas montanhas de cocaína (juro) em cima de uma mesa, por exemplo.

Guidable tem a direção de Fernando Rick e Marcelo Appezzato, convidados pela própria banda, em 2006. Fernando Rick ganhou a atenção dos Ratos ao dirigir o videoclipe de "Covardia de Plantão" do disco "Homem Inimigo do Homem".

O filme foi lançado pelo selo Black Vomit Filmes e tem sido exibido em sessões em todo o país. informações sobre a agenda podem ser conseguidas no site oficial da Black Vomit aqui. Os produtores estão agilizando as vendas até o fim do ano e parece que o filme virá com bastante material bônus divididos em dois DVDs.

Confira o trailer aqui!
http://www.youtube.com/watch?v=EedY6k85WrY

Dead Fish em Brasília nessa sexta!

A banda de hardcore do Espírito Santo Dead Fish se apresentará em Brasília nessa sexta-feira (11/09) . O show acontece no Arena (Setor de Clubes Sul) e terá abertura das bandas Dissônicos, Galinha Preta e Machina Rad. O evento começa as 21:30 e o ingresso tá R$ 10,00 antecipado e $ 15,00 na hora.

Daqui a banda parte pra Goiânia e se apresenta no festival Vaca Amarela no sábado (12/10). Lá o evento é gratuito e acontece no Teatro Martim Cererê.

Pontos de venda:

Balaio Café - 201 norte;
Estúdio Original 69 - 114 norte;
Fun House - Conic.